Entidades do Sistema FIEMA discutem oportunidades de negócios com a Inpasa. A reunião ocorreu na terça-feira (28/11), em Balsas, para elencar as demandas da nova fábrica. No encontro, que contou com a presença do Governo do Estado e de empreendedores da região, participaram o SENAI-MA, SESI-MA, IEL-MA e o Programa de Desenvolvimento de Fornecedores (PDF Maranhão).
O SESI-MA pode atender demandas em áreas como Saúde e Segurança no Trabalho; o IEL-MA em capacitação empresarial; o SENAI-MA em capacitação profissional e o PDF Maranhão, coordenado pela FIEMA, na busca de fornecedores para prestação de serviços em mais de 10 categorias e 70 atividades.
A fábrica de etanol, proteína e óleo à base de milho da Inpasa, prevista para iniciar as atividades a partir de 2025, deve processar 1 milhão de toneladas de cereais, produzir 230 mil toneladas de DDGS (Dried Distillers Grains), 23 mil toneladas de óleo, 460 milhões de litros de etanol, 200 Gwh de energia elétrica por ano. Serão investidos quase 4 bilhões nas duas fases do projeto e gerados mais de 2 mil empregos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *